Classes sociais e classes socioeconômicas: um estudo sobre os estratos sociais na região metropolitana de Salvador entre 2003 a 2010

Ualace Roberto de Jesus Oliveira

Resumo


No recente contexto das importantes mudanças sociais ocorridas no Brasil, a Região Metropolitana de Salvador - região que historicamente é conhecida por graves problemas socioeconômicos - logrou melhoria significativa em muitos aspectos sócio-ocupacionais. Porém, observa-se que a mobilidade social ocorrida entre as classes sociais na referida região foi pouco expressiva entre 2003 e 2010. Diante do exposto, o objetivo geral deste trabalho é observar por meio de uma abordagem descritiva a emergência de uma "Nova Classe C" na RMS. Para tanto, será feita uma analise a partir de banco de dados da Pesquisa de Emprego e Desemprego, para os anos de 2003 e 2010. A metodologia a ser utilizada consiste num estudo descritivo. Os resultados nos mostram que embora muitos aspectos relacionados aos rendimentos do trabalho das famílias da base da pirâmide na RMS melhoraram o processo ocorrido na referida região não pode ser considerando como um movimento pleno de mudanças na estrutura social.


Texto completo:

PDF Português


DOI: http://dx.doi.org/10.18468/estcien.2016v6n3.p85-96

Direitos autorais 2017 Estação Científica (UNIFAP)

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.