Trajetória das mulheres no Curso de Filosofia da Universidade do Estado do Amapá no período de 2008 a 2012

Alzira Marques Oliveira, Delson de Souza Botelho, Diliene da Silva Nogueira, Gilmara Pereira Gonçalves

Resumo


O objetivo da pesquisa foi analisar a trajetória das mulheres que estudam e/ou estudaram filosofia na universidade do Estado do Amapá no período de 2008 à 2012 buscando identificar problemáticas sobre a evasão dessas acadêmicas. Além da evasão buscou-se discutir medidas de permanência delas na universidade. A metodologia adotada para realização deu-se em quatro etapas distintas: pesquisa bibliográfica, pesquisa de campo, tabulação dos dados e análise dos resultados. Foram analisadas cinco amostras de populações de discentes da Universidade do Estado do Amapá. Foram investigadas dezenove variáveis e 48 unidades amostrais. Com base nos resultados alcançados concluiu-se que as mulheres abandonam o curso de filosofia e conseqüentemente o seu fazer filosófico ao longo da trajetória acadêmica em decorrência da insuficiência de políticas públicas de permanência voltada para o segmento feminino na universidade.

Texto completo:

PDF Português


Direitos autorais 2014 PRACS: Revista Eletrônica de Humanidades do Curso de Ciências Sociais da UNIFAP

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.