A participação da mulher em organizações sociais rurais na Amazônia: estudo de caso no Arquipélago do Bailique, Estado do Amapá

Marineide Pereira de Almeida, Ana Cristina de Paula Maués Soares, Josinete Pereira Lima, Marcos Antônio Souza dos Santos

Resumo


O artigo analisa a participação da mulher em organizações sociais do meio rural na Amazônia. A região objeto da pesquisa é o Arquipélago do Bailique, localizado no município de Macapá, estado do Amapá. Foram aplicados questionários entre mulheres participantes e não participantes de organizações e movimentos sociais, distribuídos em 37 comunidades. Os resultados apresentam uma caracterização geral da população local e evidenciam aspectos relacionados ao acesso à educação e serviços de saúde, às condições de trabalho e fontes de renda, além da composição das organizações e movimentos sociais existentes. Ênfase é atribuída à participação e percepções das mulheres enquanto sujeitos das organizações e movimentos sociais. Conclui-se que a participação da mulher tem evoluído nos últimos anos, sugerindo mudanças efetivas que configuram uma nova fase de inserção feminina nas organizações e movimentos sociais locais. Para o futuro, a expectativa é de que as lideranças locais possam trazer para o debate temas e ações que valorizem as especificidades da mulher e das relações sociais de gênero.

Texto completo:

PDF Português


Direitos autorais 2014 PRACS: Revista Eletrônica de Humanidades do Curso de Ciências Sociais da UNIFAP

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.