Turismo x desigualdades sociais: uma abordagem de Inhambane (Moçambique)

João Henrique Santana Stacciarini, José Henrique Rodrigues Stacciarini

Resumo


Fruto de Missão Científica, o trabalho em questão visa estabelecer uma contribuição com interpretações, dados e fatos históricos sobre Moçambique e, mais precisamente, sobre o município litorâneo de Inhambane, intitulado, ainda no século XVIII, como ‘terra de boa gente’ – nome atribuído pelos portugueses que ali desembarcaram – e que hoje é internacionalmente reconhecido pelas praias de areia fina, lagoas e mares de azul inigualável, extensos palmares e dunas, hotéis de luxo, além da receptividade impecável. Entretanto, assim como as significativas atribuições, acredita-se necessário evidenciar as problemáticas enfrentadas pela região e por todo o país, como a fome, miséria, desigualdades sociais, dentre outras. Conjunto de variáveis que fazem deste, um lugar belo e com grande potencial turístico, mas também repleto de complexidades e contradições, as quais necessitam melhor entendimento/reflexão.


Texto completo:

PDF Português


Direitos autorais 2021 PRACS: Revista Eletrônica de Humanidades do Curso de Ciências Sociais da UNIFAP

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.