Sistema Toyota de Produção - STP: sugestão para adoção da filosofia às empresas do setor elétrico brasileiro

José Rubens dos Santos, Indira Mara dos Santos

Resumo


Este trabalho visa avaliar o índice de utilização das ferramentas do Sistema Toyota de Produção – STP, bem como identificar pontos impeditivos do desenvolvimento deste nas áreas de logísticas de apoio à geração, transmissão e distribuição de energia elétrica no Brasil, objetivando, através de evidencias reais, propor os princípios do STP como modelo na gestão destas áreas para as empresas do setor elétrico brasileiro. Para tanto, utilizou-se o método de pesquisa de estratégia do tipo survey com técnica de coleta de dados utilizados através de questionários, onde em um universo de 291 empresas, tirou-se uma amostra de 33 das principais empresas dos três seguimentos do setor elétrico brasileiro. Após a coleta dos dados, estes foram plotados em planilhas utilizando o software Excel para geração de gráficos que pudessem facilitar o entendimento do objeto de pesquisa, assim como analisar a situação das empresas estudadas e propor o modelo com base no STP. Os resultados da pesquisa revelaram que todas as empresas encontram-se distante do modelo de gestão praticado pelo STP e, como conclusão sugere-se a aplicação da filosofia e dos princípios de gestão às empresas do setor.


Palavras-chave


Sistema Toyota de Produção, Gestão Empresarial, Setor elétrico

Texto completo:

PDF Português


Direitos autorais 2020 PRACS: Revista Eletrônica de Humanidades do Curso de Ciências Sociais da UNIFAP

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.