A Inclusão no Ensino Superior: uma experiência em debate!

Marinalva Silva Oliveira, Lidiane Furtado Ferreira Rodrigues

Resumo


A criação do Núcleo de Acessibilidade e Inclusão da UNIFAP objetiva promover a autonomia intelectual e pessoal das PNEE assegurando condições de acesso a estas pessoas, de modo que estas se percebam e sejam percebidas como cidadãs em pleno gozo de seus direitos. Neste sentido, a inclusão de alunos com necessidades especiais trata-se de uma rede social e tecnológica organizada com o objetivo de favorecer o acesso ao currículo que constitui todo um conjunto de experiências que a instituição põe a serviço de seus alunos para garantir-lhes o desenvolvimento integral. A inclusão é uma mudança de paradigmas, transformação de bases, de conceitos e aspirações, ou seja, é um processo que precisa acontecer em diferentes níveis, sendo o primeiro a presença das pessoas com deficiências na sala de aula. O segundo é a participação desses alunos nas atividades universitárias. O terceiro nível diz respeito a assegurar as pessoas com deficiências à construção de conhecimento

Texto completo:

PDF Português


Direitos autorais 1969 PRACS: Revista Eletrônica de Humanidades do Curso de Ciências Sociais da UNIFAP

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.