A POLÍTICA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL NO PLANO NACIONAL DE EDUCAÇÃO 2014-2024

Noemi Ferreira Felisberto Pereira, Fernando José Martins

Resumo


Esse artigo tem como objetivo realizar uma análise da Lei 13.005/14 das metas direcionadas à educação profissional. Partindo da abordagem histórica, da pesquisa documental e bibliográfica, buscou-se compreender o contexto político e social e a orientação que balizou a construção do Plano Nacional de Educação (PNE). Verificou-se que o PNE 2014-2024 é resultado de embates e que, apesar de muitas conquistas, princípios neoliberais aparecem nas metas e estratégias ligadas à educação profissional que buscam aumentar as matrículas na perspectiva de uma educação integral, porém com previsão de transferências de recursos públicos e de responsabilidades originariamente do Estado para entidades privadas. 

Palavras-chave: Plano Nacional de Educação; Educação profissional; Educação integrada.


Texto completo:

PDF Português


DOI: http://dx.doi.org/10.18468/pracs.2017v10n1.p35-55

Direitos autorais 2017 PRACS: Revista Eletrônica de Humanidades do Curso de Ciências Sociais da UNIFAP

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.