Convocatória para Dossiê: Fronteira, Cultura e Políticas Públicas na Amazônia

Organizadoras: 

Kátia Cilene do Couto (Universidade Federal do Amazonas - UFAM)

Carmentilla das Chagas Martins (Universidade Federal do Amapá - UNIFAP)

Recebimento de artigos até 30 de outubro de 2021.

Contemporaneamente a fronteira se constitui numa categoria para pensar as diversas transcendências e/ou imanências que assinalam as existências dos indivíduos, sejam singulares, sejam coletivos. No cumprimento dessa função epistêmica, a fronteira passa a permear todo pensamento das ciências humanas, grande área na qual assume maior capacidade heurística.

A fronteira se converte em uma metáfora que funciona para pôr em relevo intersecções, relações, disjunções, servindo sua imaginação para evidenciar travessias, trânsitos, rupturas, continuidades, circulações. Em relação a esses deslocamentos de significado este dossiê traz como proposta tomar a fronteira como ponto de partida para discutir processos, contextos, eventos, fenômenos vivenciados pelas populações amazônicas.

A perspectiva adotada se refere a elaboração de políticas públicas que considerem romper com visões que exotizam ou homogeneizam as diferenças culturais, aqui tomadas como condição dos modos de ser, pensar e viver nas múltiplas realidades da Amazônia. Assim sendo o dossiê pretende reunir estudos, concluídos ou em desenvolvimento, que tragam resultados finais ou parciais sobre os deslizamentos de significados que têm a fronteira como chave de interpretação.

Toma-se como premissa a configuração de um debate, do qual possam ser abstraídas questões não resolvidas, hipóteses carentes de verificação, metodologias inovadoras, com vistas a configurar um cenário com proposições teóricas e/ou metodológicas afirmativas que fortaleçam o ambiente semântico que subsidiam a elaboração de políticas públicas. 

Normas para submissão dos artigos no link: https://periodicos.unifap.br/index.php/pracs/about/submissions#onlineSubmissions.