Impactos sócioambientais decorrentes dos projetos hidrelétricos na bacia do Rio Araguari: do aumento populacional a disseminação da malária

Giselly Marilia Thalez Pantoja, Rosemary Ferreira de Andrade

Resumo


No município de Ferreira Gomes no estado do Amapá, encontram-se três hidrelétricas, a de Coaracy Nunes inaugurada em 1973; a de Ferreira Gomes em fase de instalação; e em fase de projeto a de Cachoeira Caldeirão. Estes empreendimentos estão localizados na Bacia do Rio Araguari e situados em áreas muito próximas fisicamente, e as comunidades do entorno estão expostas a diversos impactos ambientais, dentre estes se discute os impactos na saúde com foco principal na incidência de malária. O escopo principal deste trabalho é a análise do comportamento da malária neste município. Como metodologia utilizou-se um estudo ecológico epidemiológico. Quanto aos resultados iniciais aponta-se o aumento nos casos positivos de malária em comunidades localizadas na área de influência, sendo esta uma das consequências dos impactos ambientais gerados na área, assim como do aumento da migração desordenada

Texto completo:

PDF Português


Direitos autorais 1970 Planeta Amazônia

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.