LEGISLAÇÃO AMBIENTAL E PROCESSOS PARTICIPATIVOS DE CRIAÇÃO DE UNIDADES DE CONSERVAÇÃO: AVANÇOS E DESAFIOS - O CASO DA FLORESTA ESTADUAL DO AMAPÁ

Euryandro Ribeiro Costa, Nathalie Elisabeth Cialdella, Mário Vasconcellos Sobrinho

Resumo


Este artigo aborda a questão da evolução da legislação ambiental e dos processos de criação e implementação das Unidades de Conservação no Brasil, destacando o caso da Floresta Estadual do Amapá (FLOTA/AP), uma Unidade de Conservação de Uso Sustentável do Estado do Amapá. Apresenta-se, a partir do estudo de caso, um histórico da legislação ambiental com ênfase para o Sistema Nacional de Unidades de Conservação da Natureza (SNUC), o histórico de criação e implementação da FLOTA/AP e discutem-se os pontos positivos e os obstáculos ainda a serem vencidos para chegar ao objetivo do poder público estadual de ordenar e desenvolver o setor florestal no Estado

Texto completo:

PDF Português


Direitos autorais 1969 Planeta Amazônia: Revista Internacional de Direito Ambiental e Políticas Públicas

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.