MODO DE VIDA E TERRITORIALIDADE EM TRANSFORMAÇÕES NA COMUNIDADE TRADICIONAL RIBEIRINHA DO LONTRA DA PEDREIRA.

Rosana Torrinha Silva Farias, Roni Mayer Lomba

Resumo


Este artigo apresenta um estudo sobre as transformações no modo de vida e na territorialidade da população tradicional ribeirinha do Lontra da Pedreira, localizada no Distrito da Pedreira, na zona rural do município de Macapá, Estado do Amapá. O objetivo foi de analisar os fatos marcantes que ocorreram durante o processo histórico de apropriação socioeconômica deste espaço, no período de 1940 a 2012, como propulsores das mudanças no modo de vida e na territorialidade da comunidade em questão. A investigação foi realizada nos anos de 2012 e 2013 se utilizando da pesquisa qualitativa. Os dados foram coletados em campo pela técnica da história oral e por formulários com perguntas semiestruturadas. Por meio do estudo se constatou que a comunidade passou por modificações no seu modo de vida e territorialidade em decorrência da forma de apropriação, embasada na exploração desordenada dos recursos naturais e na exploração comercial, assim como, o uso de seu território para o desenvolvimento de atividades turísticas, também, demonstrou a fragilidade do ribeirinho em manter suas concepções socioculturais em detrimento da pressão exercida pela modernidade. A comunidade tenta adequar ao seu cotidiano o modo de vida tradicional com a modernidade. 


Texto completo:

PDF Português


Direitos autorais 2015 Planeta Amazônia

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.