UM ESTUDO DE COMPLEMENTOS DO TIPO ‘SMALL CLAUSE’ EM ORAÇÕES COPULARES

Ednalvo Apóstolo Campos, Larissa da Costa Arrais

Resumo


Neste artigo, abordamos os complementos de orações copulares tratadas tradicionalmente como orações com predicado nominal e verbo-nominal, mas direcionamo-nos, sobretudo, ao predicado nominal. Discutimos as implicações sintáticas e teóricas de construções como as do tipo “é nós/nóis”, “tamo junto”, “tamo aí”, “tamo na área”, partindo da classificação proposta pela Gramática Tradicional sobre os predicados nominais e verbo-nominais para, então, chegar à noção de pequena oração, que se desenvolveu dentro do modelo teórico de Princípios e Parâmetros em estudos já clássicos sobre complementos de verbos copulares. Defendemos que as sentenças copulares analisadas podem ser entendidas como pequenas orações formadas por expressões cristalizadas compostas por sintagmas nominais, adjetivais, preposicionais ou adverbiais, sem alçamento visível para a posição canônica de sujeito.


Texto completo:

PDF Português


DOI: http://dx.doi.org/10.18468/letras.2017v7n2.p49-66

Direitos autorais 2018 Letras Escreve

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.