TEXTO E CENA, CENA É TEXTO: APONTAMENTOS SOBRE A PRODUÇÃO DO ENUNCIADO CÊNICO NO TEATRO CONTEMPORÂNEO

Paulo Ricardo Maffei de Araujo

Resumo


Este artigo pretende lançar apontamentos e olhares não totalizadores sobre a relação entre texto e cena no teatro contemporâneo. Ao considerar as rupturas sofridas no inicio do século XX nos modos de feitura da arte teatral, bem como o surgimento do conceito de encenação para o teatro, parece consistente considerar que tais rupturas causaram grandes mudanças nas formas de compreender a noção de dramaturgia, uma vez que está noção se tornou plural, ou seja, se até outrora esta noção era designada ao texto teatral, hoje ela é pensada em outras possibilidades de escrita – dramaturgia do corpo, da cena, da luz e etc. Nesse sentido a busca deste artigo está relacionada a compreender as relações/tensões entre texto e cena, e em como pensar uma escrita que transborde – ainda que por ventura possa estar relacionada – a escrita textual, propondo assim a ideia de uma produção de enunciado cênico no teatro contemporâneo.

Texto completo:

PDF Português


DOI: http://dx.doi.org/10.18468/letras.2017v7n3.p191-208

Direitos autorais 2018 Letras Escreve

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.