Bocage lírico: Sonetos de amor e morte

Adriana Cristine Silva

Resumo


O presente trabalho desenvolveu-se a partir da proposta de releitura da obra de Manuel Maria Barbosa du Bocage, pois a exploração das produções poéticas do referido autor, em sala de aula, tendem a caracterizá-lo como um poeta satírico e assim empregar no aluno uma limitada perspectiva sobre este poeta. Dessa forma, este trabalho propõe-se discutir a produção lírica bocagiana, contendo-se ao gênero soneto. Para esse fim, foi realizada uma pesquisa de cunho bibliográfico entre autores consagrados em Literatura Portuguesa, como Massaud, Mourão & Nunes e Passoni, com obras de circulação no âmbito acadêmico; e Terra e Nicola, frequentemente usado no Ensino Médio. Também é discutida neste artigo a construção do lirismo bocagiano, em que alguns sonetos são analisados, considerando para tal fim, a divisão em períodos da vida do poeta português, proposta por Célia Passoni. No decorrer da pesquisa, a hipótese de produções líricas com traços de um certo romantismo, mesmo no início das produções de Bocage, tornou-se mais latente ao ponto de convergir para a consolidação de que Bocage é de fato um pré-romântico.

PALAVRAS-CHAVE: Poesia. Lirismo. Pré-romantismo

 


Texto completo:

PDF Português


Direitos autorais 2012 Letras Escreve

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.