FALANDO PELA DIFERENÇA: PERFORMANCE QUEER NO “MANIFIESTO” DE PEDRO LEMEBEL

Leandro Soares da Silva

Resumo


A partir da leitura realizada por Pedro Lemebel de seu poema “Hablo por mi diferencia, este artigo desenvolve os temas da performance e da escrita como ato performativo para falar das diferenças de gênero e sexualidade. Partindo das declarações do texto a respeito do lugar e do destino das pessoas não heterossexuais, e baseando-se na teoria queer, a leitura apresentada do poema de Lemebel propõe reflexões sobre as formulas de sujeição numa sociedade marcada pela resistência ao regime autoritário. Ao provocar a esquerda de seu país, Lemebel articula a ausência de espaço para as diferenças sexuais e oferece seu poema como um libelo sobre a memória desses indivíduos.

Texto completo:

PDF Português


Direitos autorais 2015 Letras Escreve

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.