“Isso é verdade?” – a “infodemia” da pandemia: considerações sobre a desinformação no combate à COVID-19

Victor André Pinheiro Cantuário

Resumo


O presente trabalho trata do tema “desinformação na pandemia da COVID-19”, identificando como problema se notícias falsas realmente têm causado algum impacto no combate à doença. Para isso, tem como objetivo discutir alguns aspectos explorados por notícias falsas como a origem do vírus, as formas de propagação e tratamentos disponíveis. A fim de cumprir o referido objetivo, recorre à consulta a notícias disponíveis on-line e veiculadas por sítios da imprensa formal, bem como faz uso do suporte de Foucault (1980), Janich (2018), Levinson (2019), Žižek (2020) como embasamento teórico para se compreender questões relacionadas a uma possível definição de verdade, de informação e fake news e dos constantes alertas da Organização Mundial da Saúde (OMS) sobre desinformação. Inevitável não notar como resultado que diante do considerável número de notícias circulando on-line a respeito da COVID-19, indivíduos mal-intencionados têm aproveitado a suscetibilidade do cenário para produzir e propagar desinformação, o que leva à conclusão de que apesar dos esforços de algumas redes sociais e de mecanismo de checagem de fatos em buscadores de informações, ainda se nota um crescente consumo e compartilhamento de fake news, sem que seja realizada qualquer tipo de busca a fim de se confirmar se o que está sendo compartilhado apoia-se em fatos, rumores, versões alternativas de fatos e teorias da conspiração.

Palavras-chave


COVID-19; Pandemia; Infodemia.

Texto completo:

PDF Português

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Investigação Filosófica

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.