O RITUAL INDÍGENA TIKUNA COMO EXPERIÊNCIA SENSORIAL TRANSFORMANDO A PERCEPÇÃO ARTE E VIDA DA ATRIZ/PERFORMER

Vanessa Benites Bordin

Resumo


A partir de meu olhar de atriz/performer, tentarei descrever os principais momentos vivenciados no ritual de iniciação feminina do povo Tikuna: Worecü, A Festa da Moça Nova. Apesar de ser algo complexo de registrar, por se tratar de uma experiência sensorial, acredito que a tentativa de refletir sobre essa experiência, a partir das referências que trago a respeito do tema, ajuda a avançar na perspectiva de revisitar rituais ancestrais como forma de repensar as artes cênicas, entendendo um pouco dessa necessidade humana de reviver ações passadas para buscar sentido, ou, dar sentido ao presente, mas pensando também em um porvir.


Texto completo:

Português PDF


Direitos autorais 2021 IAÇÁ: Artes da Cena

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.