PROFESSORAS DE DANÇA NA ESCOLA PÚBLICA DO RS: a apropriação docente como modo de invenção e de resistência

Josiane Gisela Franken Corrêa, Vera Lúcia Bertoni dos Santos

Resumo


O texto discorre sobre o início de carreira na profissão docente em Dança, tendo como foco as narrativas de cinco professoras de Dança atuantes em escolas públicas estaduais do Rio Grande do Sul. A partir de análise narrativa e discussão teórica, considera que a apropriação da professora de Dança ao contexto escolar envolve, entre outros aspectos, a preparação prévia para atuar nesse ambiente de trabalho; a recepção da comunidade escolar à nova integrante; as condições psicoemocionais da profissional; a habilidade para transformar saberes adquiridos em novos saberes; e o tempo de trabalho, que provoca a definição e a assunção de características profissionais, tais como, a perícia na resolução de conflitos típicos de sala de aula e o estabelecimento de uma relação de confiança com a escola e seus agentes.


Texto completo:

Português PDF


Direitos autorais 2020 IAÇÁ: Artes da Cena

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.