“A hora da educação sexual”: práticas educativas do sexo, da saúde e das doenças em conselhos impressos (Paraíba, década de 1930)

Azemar dos Santos Soares Júnior, Rafael Nóbrega Araújo

Resumo


Resumo: O presente artigo analisa os discursos médico-pedagógicos publicados na imprensa paraibana pelo Círculo Brasileiro de Educação Sexual (CBES), escritos pelo médico, autoproclamado sexólogo, José de Albuquerque sobre educação sexual ao longo da década de 1930. Em tais publicações encontravam-se informações e conselhos a respeito da questão sexual e da sexualidade voltados para a divulgação das ideias sobre educação sexual e sexologia fomentadas pelo referido médico com vistas a educar o público leitor das referidas publicações. Compreendemos que tais discursos se configuravam como práticas educativas a partir do momento que visavam incutir nos leitores daqueles jornais hábitos e pensamentos higiênicos pautados pelo saber médico a respeito do sexo e da sexualidade. A documentação produzida pelo CBES e publicada em jornais paraibanos, continha orientações para pais e professores a respeito de como tratar da educação sexual com crianças e jovens à luz dos problemas fisiológicos relacionados a sexualidade, bem como das doenças venéreas. Encontramos publicações feitas pelo CBES em dois periódicos paraibanos da época, a saber, o diário A União, de João Pessoa e o semanário Estado Novo, de Cajazeiras, ambos alinhados politicamente com os governos à nível estadual e federal. Partimos do pressuposto de que tais impressos concordavam com as ideias do dr. José de Albuquerque, contribuindo para a divulgação da sexologia em terras paraibanas. Metodologicamente, nos valemos das proposições de Michel Foucault (2012; 2015) sobre o conceito de biopolítica e a respeito da análise do discurso, para realizar nossas leituras e produzir interpretações, em um jogo de troca de sentidos entre o historiador e as suas fontes.


Texto completo:

PDF Português


Direitos autorais 2020 Fronteiras & Debates

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.