A cidade e o lugar: concepções, implicações e possibilidades no desenvolvimento da política habitacional

Naiara Videira dos Santos, Edila Arnaud Ferreira Moura

Resumo


Este trabalho apresenta uma revisão de literatura sobre o desenvolvimento da política habitacional pensada a partir da concepção da cidade e do lugar, elementos intrínsecos para o seu planejamento e operacionalização. Como procedimento metodológico adota-se a pesquisa bibliográfica, tendo por base as discussões de teóricos das ciências sociais no que tange ao entendimento sobre as noções de cidade e de lugar, para então pensar a política de habitação ancorada a esses conceitos e suas correlações. Nesse sentido, este estudo tem por objetivo discutir a importância de se compreender parte dos elementos que estão presentes na formação e construção desses espaços, como sendo fundamentais para o desenvolvimento da política habitacional, assim como, também o reconhecimento do lugar, como espaço de construção de subjetividades, e dessa maneira, possa-se efetivar uma política pública visando à melhoria na qualidade de vida. E, faz-se ainda uma breve contextualização da política habitacional brasileira, discutindo a importância das categorias cidade e de lugar na formulação dessa política pública.

Palavras-chave


Identidade; Território; Moradia

Texto completo:

PDF Português


DOI: http://dx.doi.org/10.18468/estcien.2018v8n1.p09-20

Direitos autorais 2018 Estação Científica (UNIFAP)

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.