Atividades experimentais como estratégia para o ensino de Física: estudo de caso em duas escolas públicas do município de Santana-AP

Josivaldo Ferreira Gomes, Erveton Pinheiro Pinto, Henrique Duarte da Fonseca Filho

Resumo


Este trabalho, desenvolvido em duas escolas públicas, ambas no município de Santana-AP, sugere através de pesquisa de campo, o uso de atividades experimentais por parte dos professores como estratégia para melhorar o ensino de Física no ensino médio. Foram aplicados dois questionários, com perguntas a respeito do conteúdo trabalhado até o momento, um antes e um depois da aula experimental. E analisando os questionários, foi possível perceber que os alunos obtiveram melhores resultados após a aula experimental.


Palavras-chave


Ensino de Física; Atividades experimentais; Escola pública; Cotidiano

Texto completo:

PDF Português


DOI: http://dx.doi.org/10.18468/estcien.2017v7n3.p71-81

Direitos autorais 2017 Estação Científica (UNIFAP)

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.