Programa mulheres mil: as aulas de informática básica em um curso ofertado no Instituto Federal em Porto Nacional - Tocantins

Lucas Braga da Silva, Josilene Tavares Barbosa dos Santos

Resumo


O presente artigo foi uma reflexão de um programa intitulado Mulheres Mil, onde buscou-se analisar a contribuição das aulas de informática básica em um curso ofertado por ele no campus Porto Nacional do Instituto Federal do Tocantins para as mulheres assistidas pelo mesmo. Estruturado na inclusão digital e social do grupo de mulheres, por meio da educação, teve por objetivo promover a inclusão social e econômica de mulheres em situação de vulnerabilidade, a fim de permitir a melhoria do seu potencial de mão de obra, bem como as suas vidas e de suas famílias. A pesquisa contou com abordagem qualitativa e quantitativa numa perspectiva de usar fontes bibliográficas, análise documental, pesquisa de campo, com visita in loco, em que foram desenvolvidos e aplicados questionários, para melhor avaliação da realidade das usuárias do projeto. Colocando a avaliação do facilitador do curso de informática que revela a experiência como gratificante, quando este percebe a desenvoltura das alunas no aprendizado bem como a sua contribuição para sociedade, na tecnologia, comunicação, informação e qualificação para o mercado de trabalho. Entretanto, o público alvo do programa, não conheceram somente instruções e práticas de aula de informática, mas com a educação, encontrou meios para ajudar a transformar a cultura, que mulher é somente para procriação de filhos e trabalho doméstico. Além de viabilizar a construção de novos conhecimentos que poderão ser utilizados em situação futura.


Palavras-chave


Educação; Inclusão social; Programa mulheres mil; Informática básica

Texto completo:

PDF Português


DOI: http://dx.doi.org/10.18468/estcien.2017v7n2.p139-148

Direitos autorais 2017 Estação Científica (UNIFAP)

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.