O processo de seleção dos livros didáticos de Matemática no Ensino Fundamental público: desafios para a gestão pedagógica das escolas municipais de Macapá

Elida Viana de Souza, Erasmo Senger, Romualdo Tavares de Oliveira

Resumo


Apesar de o livro ainda ser um elemento presente nas salas de aula das  escolas, muitos educadores do país, têm grande dificuldade em escolher o material didático que muitas vezes é o único recurso pedagógico disponível no ensino público (Batista, 2003). Também é importante notar que a Matemática como componente curricular continua a liderar o índice de retenção nas escolas públicas brasileiras. Esta situação não é diferente no estado do Amapá. No entanto, vários estudos têm mostrado a importância que o livro continua a ter. (Lajolo, 1996). Este trabalho investigou o processo de escolha do livro didático de Matemática nas escolas de ensino fundamental II da cidade de Macapá. O estudo incluiu a participação de 12 professores de Matemática de 06 escolas na cidade de Macapá, que trabalharam na escola no momento da escolha dos livros didáticos de Matemática. Aplicou-se um questionário com perguntas abertas e fechadas com cada um dos participantes onde, posteriormente, foram analisados de forma quantitativa e qualitativa. Os resultados indicam a necessidade de alterar o tamanho do lugar de livros didáticos na prática docente  e à necessidade de criar espaços de reflexão para o professor de Matemática sobre o processo de escolha do livro de Matemática.

 

Palavras-Chave: Livro didático, PNLD, Livro de Matemática.

Ouvir

Ler foneticamente

 


Texto completo:

PDF Português


Direitos autorais 2011 Estação Científica (UNIFAP)

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.