O uso do livro didático como instrumento pedagógico para o ensino de Geografia

Vanda Andrade Maria, Adorea Rebelo da Cunha Albuquerque

Resumo


A ciência geográfica tem gerado, nos últimos anos, discussões sobre a temática referente aos conteúdos inseridos nos livros didáticos de Geografia. O presente artigo visa estabelecer uma análise comparativa entre coleções didáticas de Geografia, utilizadas em sala de aula, do ensino fundamental II, pela rede pública do estado do Amazonas. Segundo o Parâmetro Curricular Nacional (PCN, 1998) o objetivo do ensino de Geografia é que os alunos reconheçam que o espaço geográfico é resultado das interações entre a natureza e sociedade, que se faz importante para a compreensão da espacialidade e temporalidade e as interações dos fenômenos naturais, reconhecendo o relevo e suas transformações. O professor de Geografia não deve ter apenas o domínio do conteúdo que trabalha, é fundamental que domine os fundamentos de sua disciplina e saiba se posicionar sobre o papel da Geografia na sociedade atual, que tenha uma proposta de trabalho, a qual contribua com desenvolvimento da aprendizagem e autonomia de seus alunos. O uso do livro didático é considerado um suporte de grande importância às aulas de Geografia, entretanto não deve ser a única fonte de informação. Faz-se necessário que o professor busque outros recursos ou materiais didáticos para subsidiar a produção do conhecimento

Texto completo:

PDF Português


Direitos autorais 2015 Estação Científica (UNIFAP)

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.