INFLUÊNCIA DOS PARÂMETROS BIOMÉTRICOS DE FRUTOS DE Spondias mombin L. SOBRE OS ÍNDICES DE INFESTAÇÃO POR Anastrepha spp. (DIPTERA: TEPHRITIDAE) E PARASITISMO

Danilo Baia, Ricardo Adaime, Alan Cavalcanti Cunha, Janisete Gomes Silva

Resumo


O objetivo do estudo foi avaliar a influência de parâmetros biométricos de frutos de Spondias mombin L. sobre os índices de infestação por Anastrepha spp. (Diptera Tephritidae) e parasitismo. As variáveis estudadas foram peso, comprimento e diâmetro dos frutos. As áreas de coleta foram as zonas urbanas dos municípios de Macapá e Santana, estado do Amapá. Foram coletadas 30 amostras de taperebá, cada uma composta por 20 frutos de uma única planta (cada fruto correspondendo a uma sub-amostra), totalizando 600 unidades amostrais. Os frutos foram coletados aleatoriamente da copa da planta e recém-caídos. Os resultados indicaram que tanto a infestação quanto o parasitismo concentraram-se em frutos de peso médio, cujas características biométricas (peso, diâmetro e comprimento) não eram extremas (frutos muito grandes ou muito pequenos). A preferência de Anastrepha spp. por frutos de tamanho médio pode estar relacionada à sua estratégia de sobrevivência. Larvas que infestam frutos pequenos podem ser mais facilmente parasitadas e, de modo inverso, frutos maiores podem servir de sítio de oviposição para outras fêmeas, aumentando o potencial de competição por espaço e alimento.

Palavras-chave: Anastrepha, hospedeiro, taperebá, Amazônia, moscas-das-frutas.


Texto completo:

DOWNLOAD DO ARQUIVO (PDF)


DOI: http://dx.doi.org/10.18561/2179-5746/biotaamazonia.v5n3p83-87

Direitos autorais 2015 Biota Amazônia (Biote Amazonie, Biota Amazonia, Amazonian Biota)

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.