PRIMEIRO REGISTRO DE CAMARÃO-TIGRE-GIGANTE Penaeus monodon FABRICIUS, 1798, NO ESTUÁRIO AMAZÔNICO SUPERIOR

Ítalo Lutz, Mayra Nascimento, Victoria Isaac, Márcio Raiol, Ualerson Silva, Keila Mourão, Israel Cintra, Bianca Bentes

Resumo


O manuscrito registra a captura de Penaeus monodon em janeiro de 2014 com armadilha artesanal (matapi), no canal de maré Barreiras, Ilha de Mosqueiro, estuário Amazônico. Este manuscrito denota que a espécie está cada vez mais habitando águas ao longo da costa Norte do Brasil, já em áreas dentro do continente.

Palavras-chave: bioinvasão, Penaeidae, matapi, desequilíbrio, diversidade de crustáceos.




DOI: http://dx.doi.org/10.18561/2179-5746/biotaamazonia.v5n3p115-116

Direitos autorais 2015 Biota Amazônia (Biote Amazonie, Biota Amazonia, Amazonian Biota)

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.