MANEJO PARTICIPATIVO DOS RECURSOS NATURAIS AMAZÔNICOS - A EXPERIÊNCIA DO PROVÁRZEA

Marcelo Derzi Vidal, Marcelo Bassols Raseira, Mauro Luís Ruffino

Resumo


A partir da década de 1990 a Amazônia tornou-se alvo do desenvolvimento de projetos e pesquisas direcionados para a conservação da natureza. Uma destas iniciativas foi o ProVárzea, projeto vinculado ao PPG7 voltado para o manejo dos ecossistemas de várzea da região central da Bacia Amazônica. O presente estudo analisa os resultados, impactos e lições do apoio do ProVárzea a projetos de manejo participativo dos recursos naturais amazônicos. No período de 2004 a 2007, foram feitas visitas técnicas e realizadas reuniões envolvendo beneficiários, técnicos e coordenadores de cada um dos projetos apoiados. Complementarmente, foram analisados relatórios de implementação de atividades das experiências de manejo desenvolvidas. Ao longo de seis anos, o ProVárzea apoiou técnica e financeiramente 25 projetos, beneficiando 115.486 pessoas em 39 municípios dos estados do Amazonas e Pará, e promovendo o manejo em cerca de 100.000 hectares de ecossistemas terrestres e aquáticos. Os projetos apoiados desenvolveram sistemas inovadores de manejo dos recursos naturais em quatro linhas temáticas - manejo dos recursos pesqueiros, manejo dos recursos florestais, fortalecimento institucional e agropecuária. O modelo de uso e gestão participativa dos recursos naturais praticado pelas instituições e comunidades apoiadas pelo ProVárzea representou uma nova forma de integrar as ações do Estado com a sociedade civil organizada, contribuindo com a sustentabilidade social, econômica e ambiental na Amazônia.

Palavras-chave: Amazônia, desenvolvimento sustentável, políticas públicas.


Texto completo:

DOWNLOAD DO ARQUIVO (PDF)


DOI: http://dx.doi.org/10.18561/2179-5746/biotaamazonia.v5n1p53-60

Direitos autorais 2015 Biota Amazônia (Biote Amazonie, Biota Amazonia, Amazonian Biota)

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.